Terça-feira, 13 de Novembro de 2012

Perguntei ás folhas....

 

 

 

 

 

 Doi tanto viver...

 

Há pedaços de mim que sairam de mim...

 

Não sei deles....

 

Mas  não me fazem falta...

 

Já não eram meus .....

 

Encontrei o platano amarelado num jardim...

 

Perguntei ás folhas que caíam se sabiam de mim...

 

Tanto desgosto já sofrido....

 

É uma vida sozinha....com vontade de partir...

 

Elas nada sabiam pois ao cair brincavam umas com as outras

 

Tontas...tontas....!

 

 

 

 

 

 

publicado por ligeirinha às 16:44
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

.mais sobre mim

.Março 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Perguntei ás folhas....

.1 Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. Esta estranha sensação d...

. A morte por um fio...ou a...

. Quando finalmente ficar s...

. Tão inuteis as palavras!!...

. Esta procura constante......

. O Cipreste

. Neste tempo da vida.....

. A aventura de sermos nós....

. Gosto do azul intenso....

. Estou só.....

.links

.1 Agosto 2008

blogs SAPO