Sábado, 10 de Janeiro de 2009

Há espera da maré....

 

 

 

Estão 30 pessoas no cais....

 

mudas e enregeladas

 

Passaram a noite ali

 

Empedernidas

 

Há espera que a maré baixe....

 

só a Rosinha não tem frio, nem treme....

 

Olha também fixo, sem ver...

 

Vestida de vermelho como o Toni gostava

 

Alguém tinha dito que o Toni desaparecera...

 

Problemas da vida , do trabalho...

 

todos esperam pelas novas da maré...

 

 

 

 

 

 

publicado por ligeirinha às 12:39
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De poetaporkedeusker a 12 de Janeiro de 2009 às 12:39
Tens razão. Faltava-me ler este! Mas este já estava implícito no seguinte.
Hoje sou eu que estou demasiado fraca para fazer seja o que for. Não fui ao médico, não fui ao banco e agora tenho mesmo de ir com a ET ao vet, mas mal me consigo mexer. Tenho estes períodos... tenho-os encarado sempre como fases e assim tem sido. Mas nunca sei quanto tempo duram. Não nasceu nenhum soneto hoje e eu sinto-me menos bem. Não sei se vou conseguir responder a todos os comments...
Beijinho!
De linhaseletras a 10 de Janeiro de 2009 às 21:55
Boa Noite, parece que está atrapalhada e não sabe como ir buscar o prémio, mas a nossa amiga Maria João já fez o favor de explicar, se seguir os passos que ela enumerou consegue com facilidade, eu ao principio também me fazia confusão como era isso dos prémios mas depois fui experimentando e sozinha cheguei lá.
Um abraço.
De ligeirinha a 10 de Janeiro de 2009 às 12:59
não consigo ir buscar o premio , alguem me ensina?

Comentar post

.mais sobre mim

.Março 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Tanto tempo.....

. Morre-se em Agosto.... - ...

. No tempo em que tardam a...

. Desembaraçou-se de mim......

. Quando finalmente ficar s...

. Morre-se em Agosto....

. Amanhã....

. Sentimento estranho este....

. Este trilho meu....

. Cansei de mim....

. As idades que nunca tive....

. As palavras mendigadas .....

. Neste tempo da vida.....

. A aventura de sermos nós....

. Perguntei ás folhas....

. Gosto do azul intenso....

. Hoje é dia de lua cheia.....

. Esta procura constante......

. Foi ágil o pássaro....

. Subtilmente.....

. Bocadinhos de mim....

. Esta estranha sensação d...

. Papoilas

. Este turbilhão dentro de ...

. Mão cheia de nadas......

. Espaço raso de agua

. Quem me dera ver azul....

. Ventos de Africa...

. O cheiro da Primavera....

. Amiúde me enterneço.....

. Só gosto da luz do mar......

. Passou-se outro ano....

. Estou só.....

. Dia irreal de Outono....

. Tão inuteis as palavras!!...

. A memória não mente....

. A medo.....

. Portinho

. A arvore da minha paixão!...

. Desfile do Primeiro de Ma...

. Outra casa em Lima

. Numa rua em Lima colonial

. Tralha peruana!

. Cusco-Perú

. Lima!!!

. Cherries Blossom!

. A morte por um fio...ou a...

. Centro Pompidou-Março 201...

. No dia de anos-Jardim do ...

. Paris-70 anos!

.1 Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. Esta estranha sensação d...

. A morte por um fio...ou a...

. Quando finalmente ficar s...

. Tão inuteis as palavras!!...

. Esta procura constante......

. O Cipreste

. Neste tempo da vida.....

. A aventura de sermos nós....

. Gosto do azul intenso....

. Estou só.....

.links

.1 Agosto 2008

blogs SAPO