Terça-feira, 12 de Fevereiro de 2013

Este trilho meu....

 

 

 

Este trilho tão estreito e tão impessoal...

 

Apresentou-se como meu....

 

Despudoradamente....

 

Há tantos pedaços de mim , soltos...por aí....

 

Há gestos, há lágrimas espalhadas...

 

Ainda sem dono....

 

Enamorei-me de caminhos desconhecidos....

 

Atormentei-me com a incerteza de os encontrar...

 

Mas este trilho ...onde não cabe quase nada de mim....

 

Espera-me , eu sei....

 

Este trilho é a minha imensa solidão , feita de nadas...

 

Onde anda a ternura?

 

Sim...a ternura...o azul do mar ?

 

 

publicado por ligeirinha às 12:27
link do post | comentar | favorito
|
8 comentários:
De poetazarolho a 12 de Fevereiro de 2013 às 17:57
"Mar de almas"

Dor d’alma pungente
Busca o azul do mar
Não há alma qu’aguente
Tanto tempo sem amar

O amor não é urgente
Se o não sabem apreciar
Mas pode até ser ardente
Se o souberem encontrar

É caminho desconhecido
Este trilho em solidão
No meio da multidão

Vejo tanto irmão ferido
Suas almas num motim
Não vêem pedaços de mim.
De poetaporkedeusker a 14 de Fevereiro de 2013 às 15:36
MAR DE POESIA

Este "Mar de Almas" existe,
Espraiando, em ondas `scarpadas,
Lamentos de gente triste,
Gritos, rimas, gargalhadas...

Nesse mar, que em nós resiste,
Quantas ilhas encantadas
Já encontraste, já viste,
Pelas ondas naufragadas?

Navego, mesmo perdida,
Contra ventos e marés,
Sobre a onda indesmentida,

Sobre um mar que me convida
Tão só a molhar os pés...
Mas no qual mergulho a vida!


Maria João Brito de Sousa - 14.02.2013 - 15.34h
De poetazarolho a 15 de Fevereiro de 2013 às 03:47
Aquilo que escrevo só vale pelas suas respostas, gostei imenso.
De poetaporkedeusker a 15 de Fevereiro de 2013 às 16:17
Nem pense nisso, Poeta!
Tem uma imaginação invejável ... e eu que não gosto nada do significado desta palavra... mas reconheço que tem essa enorme imaginação e uma infinita capacidade de encontrar as rimas certas no momento certo! Eu que lido com a poesia desde que me conheço, reconheço que tem uma ou outra lacunazita ao nível da métrica e da melodia do poema... mas, caramba! é uma coisa que perde todo o valor perante a sua capacidade de criar novos temas dentro do esquema do sonetilho, acredite!

Levei o link deste poema - e as respostas - para o Facebook, algures... partilho tanto que já nem sei onde anda... mas levei!
De ligeirinha a 15 de Fevereiro de 2013 às 17:19
Poeta este comentário não tem nada a ver comigo , pois não?
Nem com "este trilho meu..."
Quando puderes comenta
De poetaporkedeusker a 16 de Fevereiro de 2013 às 15:42
Ligeirinha, tu desculpa-me!

Este sonetilho tem mesmo a ver com o teu poema, mas não de uma forma directa ou imediatamente perceptível... e eu deveria ter-to explicado! Mas as coisas pioraram ao nível das tensões arteriais e da mobilidade, estive tr~es dias (e umas horas...) sem computador e, agora, está-me a ser impossível, por mais "equijíbrios" que faça, retomar algum ritmo de publicação e interacção...

Quanto ao "Este Trilho Meu", é um belo poema, humano e frágil como todos o somos... uns assumem-no, outros não... uns sentem-se muitíssimo bem na sua fragilidade, outros procuram desesperadamente negá-la... este "trilho" parece-me fruto de uma constatação muito humana e muito lúcida de toda essa realidade. Magoado, muito triste por ter sabido constatá-lo, mas lúcido, acima de tudo, minha Ligeirinha.

Mais uma vez, perdoa-me a demora. Vou ter de andar por aí a pedir desculpas a muito mais "perfis" pois, conforme te disse, estou ainda mais diminuída.

Abraço grande, grande!
De ligeirinha a 17 de Fevereiro de 2013 às 09:29

Obrigada poeta!
fico preocupada com a tua saúde.....
Assim sempre abaixo e acima(tão poucas as vezes...) , quando vais á consulta?
Beijo muito grande e abraço apertadinho!
De poetaporkedeusker a 17 de Fevereiro de 2013 às 13:48
Penso que seja no final deste mês ou princípio do outro, Ligeirinha... a de Medicina. A de Reuma é no dia 1 de Abril... espero que não voltem a trocar-lhe a data sem me avisarem...

Beijo e abraço muito apertadinho também para ti!

PS - Cheguei a perguntar-te pelas melhoras do teu marido... penso que foi num comentário do Face, já nem me lembro quando... mas a infecção já deve estar mais do que debelada... se bem que estas "coisas" tendam a tornar-se recorrentes, em muitos casos...

Comentar post

.mais sobre mim

.Março 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Tanto tempo.....

. Morre-se em Agosto.... - ...

. No tempo em que tardam a...

. Desembaraçou-se de mim......

. Quando finalmente ficar s...

. Morre-se em Agosto....

. Amanhã....

. Sentimento estranho este....

. Este trilho meu....

. Cansei de mim....

. As idades que nunca tive....

. As palavras mendigadas .....

. Neste tempo da vida.....

. A aventura de sermos nós....

. Perguntei ás folhas....

. Gosto do azul intenso....

. Hoje é dia de lua cheia.....

. Esta procura constante......

. Foi ágil o pássaro....

. Subtilmente.....

. Bocadinhos de mim....

. Esta estranha sensação d...

. Papoilas

. Este turbilhão dentro de ...

. Mão cheia de nadas......

. Espaço raso de agua

. Quem me dera ver azul....

. Ventos de Africa...

. O cheiro da Primavera....

. Amiúde me enterneço.....

. Só gosto da luz do mar......

. Passou-se outro ano....

. Estou só.....

. Dia irreal de Outono....

. Tão inuteis as palavras!!...

. A memória não mente....

. A medo.....

. Portinho

. A arvore da minha paixão!...

. Desfile do Primeiro de Ma...

. Outra casa em Lima

. Numa rua em Lima colonial

. Tralha peruana!

. Cusco-Perú

. Lima!!!

. Cherries Blossom!

. A morte por um fio...ou a...

. Centro Pompidou-Março 201...

. No dia de anos-Jardim do ...

. Paris-70 anos!

.1 Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. A morte por um fio...ou a...

. Quando finalmente ficar s...

. Tão inuteis as palavras!!...

. Esta procura constante......

. O Cipreste

. Neste tempo da vida.....

. A aventura de sermos nós....

. Gosto do azul intenso....

. Esta estranha sensação d...

. Estou só.....

.links

.1 Agosto 2008

blogs SAPO