Quinta-feira, 27 de Setembro de 2012

Foi ágil o pássaro....

 

Foi ágil o pássaro..

 

Vôo apressado de fim de Verão

 

Escolhendo a folha exacta para pousar...e olhou-me..

 

olhou-me e desoulhou-me...

 

que contas para trocar com o "meu amigo"...

 

Problemas da vida, desmanchados na doçura do seu olhar...

 

com os pássaros vem sempre uma esperança, lá do Norte, do frio...

 

Vêem em busca de ar temperado e doces olhares...

 

Hoje está azul....

 

 

 

 

publicado por ligeirinha às 10:22
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De poetaporkedeusker a 15 de Outubro de 2012 às 22:42
Ainda cá está o Pássaro Apressado Beijinho!
De poetaporkedeusker a 27 de Setembro de 2012 às 21:13
Nem calculas o bem que me soube ler este teu poema de encontro com um pássaro... liguei a TV e dei, pela primeira vez, com uma realidade que desconhecia... parece que vão estar na moda os "concursos de beleza" para crianças... acho isto atroz! Tanto quanto ouvi há, na América, mães que chegam ao ponto de injectar bottox nas crianças... perfeitamente abominável! E olha que eu nunca fui nada conservadora... mas isto!!!???
Bem-vindo, mil vezes, é o teu Foi Ágil o Pássaro!!! E olha que me permitiu uma longa e colorida viagem ao meu passado remoto e recente... gosto muito dos meus encontros com eles :)

Abraço grande, Ligeirinha!
De ligeirinha a 27 de Setembro de 2012 às 21:15
Adorei o teu comentário ...é como respirar para mim.....Beijimhos grandes!
De poetaporkedeusker a 27 de Setembro de 2012 às 21:20
Muitos, também para ti!

Comentar post

.mais sobre mim

.Março 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Tanto tempo.....

. Morre-se em Agosto.... - ...

. No tempo em que tardam a...

. Desembaraçou-se de mim......

. Quando finalmente ficar s...

. Morre-se em Agosto....

. Amanhã....

. Sentimento estranho este....

. Este trilho meu....

. Cansei de mim....

. As idades que nunca tive....

. As palavras mendigadas .....

. Neste tempo da vida.....

. A aventura de sermos nós....

. Perguntei ás folhas....

. Gosto do azul intenso....

. Hoje é dia de lua cheia.....

. Esta procura constante......

. Foi ágil o pássaro....

. Subtilmente.....

. Bocadinhos de mim....

. Esta estranha sensação d...

. Papoilas

. Este turbilhão dentro de ...

. Mão cheia de nadas......

. Espaço raso de agua

. Quem me dera ver azul....

. Ventos de Africa...

. O cheiro da Primavera....

. Amiúde me enterneço.....

. Só gosto da luz do mar......

. Passou-se outro ano....

. Estou só.....

. Dia irreal de Outono....

. Tão inuteis as palavras!!...

. A memória não mente....

. A medo.....

. Portinho

. A arvore da minha paixão!...

. Desfile do Primeiro de Ma...

. Outra casa em Lima

. Numa rua em Lima colonial

. Tralha peruana!

. Cusco-Perú

. Lima!!!

. Cherries Blossom!

. A morte por um fio...ou a...

. Centro Pompidou-Março 201...

. No dia de anos-Jardim do ...

. Paris-70 anos!

.1 Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. Quando finalmente ficar s...

. Tão inuteis as palavras!!...

. Esta procura constante......

. O Cipreste

. Neste tempo da vida.....

. A aventura de sermos nós....

. Gosto do azul intenso....

. Esta estranha sensação d...

. Estou só.....

. Perco-me por ti minha mãe...

.links

.1 Agosto 2008

blogs SAPO