Segunda-feira, 15 de Fevereiro de 2010

Os Lutos

 

O que sinto é a sensação de um coração

 

 

que corre sem rumo....

 

 

E que, penso eu, não encontra a porta de saída......

 

 

Falta ainda arrumar, com muita calma,todos os lutos que vão ficando...

.

 

sempre á espera de melhores dias, para serem resolvidos...

 

 

Resolvidos com calma..., sózinha, com tempo, sem pressas..

..

 

Talvez num  Verão, onde se ouça água a correr,

 

 

onde se ouçam os passaros....

 

 

Então, depois de tudo conseguido.... ficarei virada a poente.... á espera de paz...

 

 

Na minha vida tão enigmática e sofrida... que tantas e tantas vezes não a compreendi...

 

 

Mas foi a minha...foi esta que Deus me deu......

 

 

sinto-a triste e inacabada!

 

 

Por vezes, sim, até irespirável! 

 

 

Quando até um dia de sol nem sequer faz a diferença......

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

sinto-me: Que por fim venha a paz
publicado por ligeirinha às 16:56
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De poetaporkedeusker a 19 de Fevereiro de 2010 às 11:08
Um grande, grande abraço para ti! Hoje o sol já vai espreitando, aqui em Oeiras... saí de casa com um solzinho lindo e, a meio do caminho, levei com uma bátega de chuva que me deixou ensopada... mas agora o sol voltou a espreitar!
Bijinhos!
De ligeirinha a 19 de Fevereiro de 2010 às 12:36
Querida!
De poetaporkedeusker a 18 de Fevereiro de 2010 às 15:05
E a paz pode vir - e vem! - antes do tal "por fim!", acredita. Todos, todos nós temos os nossos lutos... claro que alguns terão mais do que outros, mas também aí vai depender de outras variáveis que não apenas o acontecimento em si. E dói-me que não te sintas vibrar num dia de sol, que queres? São tão deliciosos os dias de sol!
Abraço GDE!

Comentar post

.mais sobre mim

.Março 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Tanto tempo.....

. Morre-se em Agosto.... - ...

. No tempo em que tardam a...

. Desembaraçou-se de mim......

. Quando finalmente ficar s...

. Morre-se em Agosto....

. Amanhã....

. Sentimento estranho este....

. Este trilho meu....

. Cansei de mim....

. As idades que nunca tive....

. As palavras mendigadas .....

. Neste tempo da vida.....

. A aventura de sermos nós....

. Perguntei ás folhas....

. Gosto do azul intenso....

. Hoje é dia de lua cheia.....

. Esta procura constante......

. Foi ágil o pássaro....

. Subtilmente.....

. Bocadinhos de mim....

. Esta estranha sensação d...

. Papoilas

. Este turbilhão dentro de ...

. Mão cheia de nadas......

. Espaço raso de agua

. Quem me dera ver azul....

. Ventos de Africa...

. O cheiro da Primavera....

. Amiúde me enterneço.....

. Só gosto da luz do mar......

. Passou-se outro ano....

. Estou só.....

. Dia irreal de Outono....

. Tão inuteis as palavras!!...

. A memória não mente....

. A medo.....

. Portinho

. A arvore da minha paixão!...

. Desfile do Primeiro de Ma...

. Outra casa em Lima

. Numa rua em Lima colonial

. Tralha peruana!

. Cusco-Perú

. Lima!!!

. Cherries Blossom!

. A morte por um fio...ou a...

. Centro Pompidou-Março 201...

. No dia de anos-Jardim do ...

. Paris-70 anos!

.1 Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. A morte por um fio...ou a...

. Quando finalmente ficar s...

. Tão inuteis as palavras!!...

. Esta procura constante......

. O Cipreste

. Neste tempo da vida.....

. A aventura de sermos nós....

. Gosto do azul intenso....

. Esta estranha sensação d...

. Estou só.....

.links

.1 Agosto 2008

blogs SAPO